Avanços digitais que têm aumentado a eficiência da indústria de petróleo

A tecnologia e o setor offshore estão intimamente ligados. A exploração de petróleo em águas profundas, assim como a descoberta de novos campos em mar ou terra, só foi possível com avanços tecnológicos e o auxílio de novos equipamentos que foram surgindo ao longo do tempo. Com o constante crescimento do mercado de petróleo e gás no mundo, as organizações perceberam a necessidade de implantar sistemas operacionais que ofereçam mais controle logístico, eficiência e redução de custos de produção.

O setor de óleo e gás está na vanguarda da inovação tecnológica e da computação de alto desempenho desde os anos 1980, e a cada ano, investe mais em soluções e inovações tecnológicas a fim de gerar melhorias incrementais na produtividade e na lucratividade. Entre os avanços digitais que têm aumentado a eficiência da indústria de petróleo e gás está o sistema de armazenamento em nuvem.

Empresas como a Brasoftware, Sapiensia Tecnologia, FTI Consulting, T2T Tecnologia, oferecem produtos e soluções tecnológicas a grandes petroleiras e companhias de construção naval e offshore, como forma de ampliação de seus recursos e redução de custos. Os serviços em nuvem vieram para ficar, principalmente no setor offshore, que é uma área que necessita de uma gama de ações logísticas.

Para se ter uma ideia, a área de engenharia, por exemplo, necessita de processamentos complexos que demandam poder computacional, devido a gama de informações geradas de diversos locais físicos que precisa ser centralizada e disponibilizada em tempo real. Ao armazenar essas informações em um software de nuvem, como a “Microsoft Azure”, os custos com comunicação, cabeamentos e datacenters físicos reduzem drasticamente, além de gerar valor e promover mais controle logístico às empresas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *