2031 terá pico de produção petrolífera, diz PPSA

Segundo um estudo feito pela área de Planejamento Estratégico da Pré-Sal Petróleo SA (PPSA) divulgado na última segunda-feira (25), a produção de petróleo dos 17 contratos de partilha, estabelecidos para campos no pré-sal, alcançará um pico de 3,9 milhões de barris por dia em 2031.

De acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), esse resultado pode ser comparado a uma produção nacional de petróleo de 2,9 milhões de barris por dia. Além disso, a parcela projetada para o governo atingiria seu pico com 1,2 milhão de barris de petróleo por dia, considerando os percentuais de volume de excedente em óleo oferecidos à União nos contratos.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta