Após alta consecutiva, preços do petróleo caem

Uma redução nos preços do petróleo foi constatada no fim da última terça-feira (23), após uma série de dias consecutivos com ganhos acima de 5%. O motivo para isso é a expectativa de que relatórios do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês), que serão divulgados nesta quarta (24), indiquem um aumento nos estoques da commodity nos Estados Unidos.

Dessa forma, os preços se afastaram dos maiores níveis registrados desde a instabilidade provocada pela pandemia. Na Bolsa de Mercadorias de Nova York (Nymex), os contratos futuros do West Texas Intermediate (WTI) para o mês de agosto encerraram o dia em queda de 0,88%, a US$ 40,37 o barril. Já na ICE, em Londres, os contratos do Brent para o mesmo mês encerraram em queda de 1,05%, aos US$ 42,63 o barril.

Vale lembrar que os relatórios do DoE dos EUA divulgam o número semanal de estoques de petróleo no país, o que faz com que os investidores fiquem temerosos.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta