Após crise, Equador volta a exportar petróleo

Depois do período de manifestações no Equador contra a eliminação de subsídios a combustíveis e ao consequente aumento de até 123% dos preços da gasolina e do diesel, a empresa Petroecuador anunciou que o país retomou as exportações de petróleo, que foram suspensas em 9 de outubro.

Os protestos afetaram centenas de poços e o transporte de óleo dos campos na Amazônia até o Pacífico. Apesar disso, a estatal declarou em comunicado que “a decisão foi tomada uma vez que a produção de petróleo recupera seus volumes e pela operação do Sistema de Oleoduto Trans-equatoriano (SOTE) também ter se normalizado”.

A crise social terminou graças a um acordo do governo equatoriano com os indígenas que revoga a eliminação dos subsídios ao combustível, medida que havia sido adotada por solicitação do FMI (Fundo Monetário Internacional).

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

4 comentários em “Após crise, Equador volta a exportar petróleo

Deixe uma resposta