Bacia de Campos registra queda na produção

A Bacia de Campos registrou a menor média de produção de petróleo dos últimos dez anos. A produção média que foi de 719,37 bpd (mil barris por dia) representa 30 mil barris diários a menos do que a produção de março deste ano. A queda da produção da Petrobras, maior operadora na Bacia de Campos, está associada à migração dos investimentos para a Bacia de Santos, maior região descoberta de pré-sal.

O economista Cloviomar Cararine, do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), subseção FUP, disse que segundo estudos, o orçamento regional da empresa que antes era US$ 9 bilhões, em 2013, passou para US$ 3,46 bilhões, em 2018, e a previsão é que entre 2021 e 2025 fique em US$ 2,6 bilhões anuais.

Fique por dentro do que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, tecnologias, Petrobras e offshore e onshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta