Baixa no refino prejudica planos da Petrobras

Lenny Rodriguez, gerente de análise de preços de petróleo e perspectivas regionais da consultoria S&P Global Platts, informou que a baixa no refino pode prejudicar os planos da Petrobras. De acordo com Lenny, um dos grandes desafios que a estatal enfrentou para concluir seu plano de vender oito refinarias foi o período de baixa mundial para o refino. Ainda de acordo com ele, contudo, (sugestão) ainda esse ano o setor seguirá em recuperação com aumento na demanda do diesel.

De acordo com Ashutosh Singh, gerente de análise de produção da consultoria, o país é considerado um dos principais destinos para investimentos em projetos de águas profundas no mundo, “vemos uma forte alocação de capital no Brasil, o país está numa posição única para o crescimento da produção por alguns anos. Isso está transformando o Brasil num exportador de petróleo muito atraente”, afirmou.

Fique por dentro do que acontece no setor de petróleo, gás e energia através da Panorama Offshore. Aqui você confere informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, tecnologias, Petrobras e offshore e onshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta