Bolsonaro convoca China para cessão onerosa

“É o maior leilão de petróleo e gás. A China não pode ficar ausente nesse momento”, afirmou o presidente Jair Bolsonaro, em visita oficial a Pequim. Em busca de investimentos pelo país, Bolsonaro informou, na última sexta-feira (25) que convidou empresas chinesas para participarem do leilão dos excedentes da cessão onerosa.

Durante a reunião, o presidente destacou a parceria do Brasil com a China e justificou o interesse em fortalecer o comércio e ampliá-lo para novos horizontes. Além disso, assinou termos de cooperação nas áreas de energia, agricultura, pesquisa, educação e turismo.

Segundo informações do jornal O Globo, um acordo envolvendo a Xingu Rio Transmissora de Energia (XRTE), da State Grid, também foi feito mas ainda se encontra sem detalhes.  

Além de ser o maior parceiro comercial do Brasil, a China e a maior fonte de investimento estrangeiro no país. No ano passado, o comércio bilateral cresceu para um recorde de 100 bilhões de dólares. Os dois países também fazem parte do grupo dos BRICS, que reúne também Rússia, Índia e África do Sul.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

2 comentários em “Bolsonaro convoca China para cessão onerosa

Deixe uma resposta