Cazaquistão seguirá com produção, diz ministro

O ministro da Energia do Cazaquistão, Nurlan Nogayev, disse, nesta última quarta-feira (27), durante entrevista coletiva que “atualmente não há como interromper (atividade)” no maior campo petrolífero do Cazaquistão, Tengiz, que está sendo desenvolvido com a participação do gigante petrolífero americano Chevron. 

Mesmo diante do surto de coronavírus detectado entre os trabalhadores, afetando cerca de 1 mil pessoas, Nogayev afirmou que “a produção principal segue inalterada”, assim como o projeto de expansão, embora “o trabalho não essencial tenha sido adiado para uma data posterior”, explicou. 

Na semana passada, o chefe de Saúde do Cazaquistão, Aizhan Esmagambetova, alertou que Tengiz poderia ser fechado por conta da Covid-19. Segundo o ministro da Energia, um total de 18,5 mil trabalhadores foram retirados do campo para impedir a propagação do surto, e o trabalho de prevenção da saúde está sendo realizado de acordo com as necessidades da região.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta