Com pandemia, produção recua 6,5% em maio

De acordo com o relatório divulgado nesta quinta-feira (2), pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a produção de petróleo no Brasil diminuiu 6,5% em maio de 2020, na comparação com abril. Já na comparação com maio de 2019, aumentou 1,3%. A produção de gás natural caiu 7,8% na comparação mensal e diminuiu 3% na comparação anual.  

Segundo a agência, os principais motivos para a queda na produção foram a parada dos navios plataforma (FPSOs, da sigla em inglês) Mangaratiba e Cidade de Angra dos Reis e a restrição na produção das plataformas P-67, P-74 e P-76.

No mês de maio, os campos do pré-sal foram responsáveis por 67,8% da produção nacional, com 2,363 MMboe/d. Já o aproveitamento de gás natural em foi de 97,6%, com a disponibilização ao mercado de 48,7 MMm³/dia e queima de 2,782 MMm³/d. Os campos marítimos foram responsáveis por 96,5% do petróleo produzido no mês e por 86% do gás natural.

Para consultar o boletim completo, basta acessar este link.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta