Conta de energia pode ficar ainda mais cara

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que já havia aumentado a cobrança extra de R$ 6,24 para R$ 9,49 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) na bandeira vermelha patamar 2, vem discutindo se mantém o valor ou se aumenta para R$ 11,50. A justificativa para esse novo ajuste seria as medidas de flexibilização para armazenar mais água nos reservatórios de usina hidrelétrica. A estimativa é que o país continue operando com bandeira vermelha até novembro.

Com as medidas que o governo vem tomando, as termelétricas têm sido mais utilizadas, gerando mais gastos, que são repassados ao consumidor em forma de taxa extra. Segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), a previsão anual de gastos com energia que antes de era de cerca de 9 bilhões, agora deve ser de 13,1 bilhões.

Fique por dentro do que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, tecnologias, Petrobras e offshore e onshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta