Coronavírus: Arábia fiscaliza mercado petrolífero

Devido as “expectativas sombrias” advindas do possível impacto do coronavírus sobre a economia chinesa mundial, o ministro de energia da Arábia Saudita, príncipe Abdulaziz bin Salman, disse nesta segunda-feira (27), que o país está acompanhando de perto os mercados globais de petróleo.

Abdulaziz ainda disse que se for necessário, a OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) e seus aliados podem responder a qualquer impacto sobre a estabilidade do mercado. Porém, afirmou que está confiante por entender que a China e a comunidade internacional conseguirão conter o surto do vírus.

Para o ministro, o impacto tem sido “guiado principalmente por fatores psicológicos e expectativas extremamente negativas adotadas por alguns participantes do mercado apesar do impacto muito limitado sobre a demanda global por petróleo”, comparando, inclusive, com a epidemia de SARS, que ocorreu em 2003 e não causou em uma redução significativa na demanda por petróleo.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta