Cortes da Opep refletem em alta no Petróleo

Após a Agência Internacional de Energia (AIE) informar em seu relatório que Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) está cumprindo 90% de sua meta de corte na produção da commodity, conforme a Panorama Offshore informou em 10 de novembro (http://migre.me/w1YOy), o mercado de óleo e gás reagiu de forma positiva.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o petróleo WTI para março esteve em alta de 1,02%, a US$ 53,54 o barril, enquanto o Brent para abril subiu 1,20%, a US$ 56,30 o barril, na plataforma Ice, em Londres. Segundo o documento da AIE, a produção em janeiro foi de 32,06 milhões de barris por dia, 1 milhão de barris a menos que em dezembro de 2016.

Além disso, a Agência anunciou na sexta-feira, 10 de fevereiro, que a demanda de petróleo em 2017 será maior que o previsto e que o primeiro corte feito pelos países membros do cartel, bem como outros aliados é um dos mais importantes realizados na história das inciativas da Organização.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

8 comentários em “Cortes da Opep refletem em alta no Petróleo

Deixe uma resposta