Dados são considerados o “novo petróleo”

A frase “dados são o novo petróleo”, em tradução livre para a original “data is the new oil”, foi criada por Clive Humby, um matemático londrino especializado em ciência de dados. Essa expressão tem sido bastante citada no mercado e por executivos do mundo todo, que a usam para defender a ideia de que os dados são tão valiosos quanto o petróleo.

Na era da tecnologia, não é tão difícil acreditar que a maior matéria-prima é a informação, que é ilimitada. Por sua vez, o petróleo é finito. Isso significa que, pelo menos em teoria, quem souber fazer bom uso da informação só tem a ganhar. Além disso, seguindo esse raciocínio, é seguro afirmar que a maior riqueza se encontra não nos dados em si, mas sim na capacidade de usá-los de forma analítica. A inteligência por trás deles é quem determina seu maior valor pois, a partir dela, serão extraídas as descobertas capazes de transformar a realidade não só das organizações, mas de diferentes mercados.

Diferentemente do petróleo, no qual um dos maiores desafios é localizar reservas subterrâneas, o ponto chave no mundo dos dados é outro. Localizá-los já não é um problema, tendo em vista que hoje eles estão à nossa disposição. Agora, o maior desafio é saber como fazer bom uso dessa fonte de inesgotáveis possibilidades.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta