Empresa americana prepara para começar perfuração dos blocos arrematados

A empresa ExxonMobil deu início a duas medidas de licenciamento ambiental para a exploração das áreas que foram arrematadas, desde setembro, na 14ª e nas 15ª rodadas e nos 3º, 4º e 5º leilões do pré-sal. No total, serão 22 poços para perfuração, sendo dois terrestres, o bloco Titã e o bloco C-M-789.

Para escavação, a estatal tem a intenção de usar como base de apoio as áreas da Nitshore, em Niterói, ou Porto do Açu, em São João da Barra. Nas áreas da Bacia de Campos e Santos, a previsão de exploração é de até 17 poços incluindo os blocos C-M-753, C-M-789, S-M-536, S-M-647.  Já nas áreas dos blocos C-M-07 e C-M-067 estão previstas a abertura de até cinco poços exploratórios.

A estatal já possui participação em 26 áreas exploratórias localizadas em Sergipe-Alagoas, Ceará, Potiguar, Bacia de Campos e Bacia de Santos, o que representa um desmonte do patrimônio nacional das regiões de fontes importantes para economia do País. Não deixe de acompanhar a Panorama Offshore e manter-se informado sobre tudo o que acontece no mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore. Acesse o portal da Panorama Offshore. Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com.br/panoramaoffshore



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *