Empresa nos EUA defende uso do gás de xisto

De acordo com relatório da empresa Goldman Sachs, a indústria de gás de xisto dos Estados Unidos seria uma ótima opção para vencer a crise petróleo. Isso porque os poços de gás possuem alta pressão e menor tempo de perfuração, fator que faz com que o setor fique mais bem posicionado e seja uma opção mais viável, caso a capacidade de produção de petróleo continue afetada.

“A flexibilidade do gás de xisto é semelhante à capacidade não utilizada que membros de peso da Opep, como Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos, têm à disposição para elevar a produção no curto prazo”, disse em relatório Damien Courvalin, analista do Goldman, e continuou: “Isso implica que o colapso da demanda provocada pelo coronavírus pode beneficiar produtores de gás de xisto e de baixo custo.”

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta