Entidades brasileiras criticam regras de conteúdo local em reunião no Rio Grande do Sul

Os debates sobre as novas regras de conteúdo local ainda não saíram da pauta de entidades e indústrias ligadas ao setor de petróleo e gás. De um lado, tem a petrolíferas que conseguiram reduzir as contratações, mas que desejam um percentual ainda menor e do outro temos as indústrias que criticam a redução de 65% para 25% de conteúdo local para as plataformas.

Esse tema foi o principal ponto debatido no encontro organizado pelo Movimento Produz Brasil, que aconteceu na quinta-feira, 23 de março, e reuniu na Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs), representantes do governo federal, empresários e prefeitos de cidades afetadas pelos recentes desinvestimentos no polo naval no Estado gaúcho.

Na oportunidade, Marcio Félix Bezerra, secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, pontuou que é necessário que as empresas se envolvam com outras companhias, além da Petrobras, visto que o setor de óleo e gás no país já está desenvolvido, e a questão de redução do conteúdo local pode oferecer a conquistar mercados e realização de novas parcerias fora do Brasil.

Os empresários do setor, bem como prefeitos de cidades gaúchas e membros do Comitê de Competitividade em Petróleo, Gás, Naval e Offshore da Fiergs rebateram com críticas a fala do secretário, pontuando que a redução não oferecerá oportunidades para empresas brasileiras pequenas e que a diminuição de utilização de bens e serviços do Brasil usados no setor de petróleo desacelerará os investimentos que prefeituras, por exemplo, fazem em escolas, segurança e indústria naval no Estado.

Ao que parece, esse embate ainda perdurará por mais algum tempo. Mantenha-se sempre informado sobre tudo o que acontece no mercado de petróleo, gás, energias, pré-sal, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Continue acompanhando a Panorama Offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br   www.facebook.com/panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

2 comentários em “Entidades brasileiras criticam regras de conteúdo local em reunião no Rio Grande do Sul

Deixe uma resposta