EPE sugere que Petrobras compre menos gás da Bolívia

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), vinculada ao Ministério de Minas e Energia realizou um estudo no qual sugere à Petrobras cortar, pela metade, o volume de gás natural importado da Bolívia.

Isso por que, conforme a Panorama Offshore já noticiou, o Brasil tem grandes perspectivas de de se tornar autossuficiente em gás e até poderá exportá-lo, segundo informações do ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho.

Além disso, a sugestão do estudo da EPE também é o de abrir espaço para novos importadores. O contrato da Petrobras com a Bolívia vence em 2019. Desde 1999, a Bolívia fornece gás para o Brasil através do Gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol).

E se você também quer saber mais sobre o mundo do petróleo, gás, energias, pré-sal, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore, continue nos acompanhando. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br   www.facebook.com/panoramaoffshore.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:


Deixe uma resposta