FPSO, unidade essencial na extração do petróleo e gás natural

Muito se fala sobre o petróleo, mas poucos sabem como ocorre a sua extração. Para que seja realizado o armazenamento do óleo e gás no setor petrolífero, são utilizadas as Unidades Flutuantes de Produção, Armazenamento e Transferência (FPSO – Floating Production Storage and Offloading) que são embarcações com sistemas de exploração offshore localizadas em águas profundas e ultra profundas que fazem a retenção, escoamento e produção do conteúdo retido.

Um FPSO é constituído por uma estrutura com forma de navio-tanque. Os locais de produção de uma unidade ficam distantes da costa com inviabilidade de ligação por oleodutos ou gasodutos. Para a construção das unidades, são requisitados vários equipamentos e serviços para que sejam feitas as definições dos projetos, à construção ou conversão do casco do navio, além da definição dos modelos que irão compor o esboço da produção na unidade. Diversas empresas, fornecedores, estaleiros são envolvidos nessa fase de construção.

Vale lembrar que as unidades precisam ser certificadas com níveis aceitáveis do local, sendo fundamental para atender os requerimentos da região para que assim, sejam realizadas as construções das plataformas e para o fornecimento de um equipamento para atender a demanda de extração.

Mantenha-se informado sobre o mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore. Acesse o portal Panorama offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta