Governo arrecada R$ 1,7 bilhões em venda da Cesp para a Votorantim Energia e para CPPIB

Na sexta-feira, 19 de outubro, em sua quinta tentativa, o governo de São Paulo conseguiu vender a Cesp (Companhia Energética de São Paulo) para a Votorantim Energia e para o fundo canadense, Canadian Pension Plan Investment Board (CPPIB). O preço estipulado no início da proposta por ação foi de R$ 14,30 sendo inferior ao valor da tentativa anterior de R$ 16,80.

A única e vencedora proposta ficou acertada em R$ 14,60 equivalente a R$ 1,7 bilhão e o governo de São Paulo ainda negociou com a União a prorrogação do contrato da estatal de 2028 para 2048. As entregas de propostas deveriam ser feitas até a última sexta-feira, 19 de outubro, entre 9h e 10h, na Bolsa de Valores de São Paulo, mas ocorreu um atraso porque a Justiça Federal de Presidente Prudente havia suspendido na quinta-feira, (18), a concessão da Usina Hidrelétrica de Porto Primavera, a principal distribuidora da Cesp.

A Procuradoria-Geral de São Paulo, conseguiu um mandado que reverte a decisão da Justiça Federal em suspender a venda da estatal, além de ganhar o direito de permanecer com o processo de privatização através de leilão.

Acompanhe o portal da Panorama Offshore e fique por dentro de tudo que envolve o mercado de petróleo, gás, energia, biocombustíveis, onshore e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Acesse: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com/panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

9 comentários em “Governo arrecada R$ 1,7 bilhões em venda da Cesp para a Votorantim Energia e para CPPIB

Deixe uma resposta