Governo quer reduzir exigências para adesão de energia em 2019

Nesta terça-feira, 11 de dezembro, o Ministério de Minas e Energia (MME) anunciou redução de exigências para adesão do mercado livre de energia a partir do próximo ano. Com isso, os grandes consumidores poderão negociar diretamente com os geradores e comercializadoras de energia elétrica.

A previsão é de que essa medida entre em vigor no dia 1° de julho de 2019, e os consumidores de energia com cargas maiores que 2,5 megawatts possam fazer a negociação direta. A redução foi de 3,0 megawatts para 2,5 megawatts de capacidade.

Já no mercado regulador, os consumidores vão comprar a energia das empresas com tarifas definidas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Acompanhe o portal da Panorama Offshore e fique por dentro de tudo que envolve o mercado de petróleo, gás, energia, biocombustíveis, onshore e offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui! Acesse: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com/panoramaoffshore.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta