Greve dos petroleiros é temporariamente suspensa

A greve dos petroleiros, iniciada em 1º de fevereiro deste ano, foi temporariamente suspensa hoje (20). A decisão foi da Federação Única dos Petroleiros (FUP) e seus 13 sindicatos. Dessa forma, se faz possível a realização de uma mediação com a Petrobras, proposta pelo ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra. A tentativa de negociação acontecerá na manhã da próxima sexta-feira (21).

Além disso, uma assembleia dirigida por cada um dos sindicatos deve acontecer ainda hoje, com finalidade de definir a relação dos sindicalistas que farão parte da mediação. De acordo com o ministro Gandra, a condição para que o encontro entre a FUP e a diretoria da Petrobras acontecesse seria a interrupção da paralisação. Na última quarta-feira (19), a greve dos petroleiros completou 19 dias – sendo esta a maior movimentação da classe desde 1995.

A greve dos petroleiros foi motivada, principalmente, pela demissão de 396 empregados diretos e 600 indiretos da Araucária Nitrogenados (Ansa), no Paraná.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta