Ibama autoriza funcionamento da plataforma P-69

Na semana passada, o Ibama concedeu licença de operação autorizando a plataforma FPSO P-69, localizada no Campo de Lula, na Bacia de Santos, a iniciar sua produção. O documento estabelece 35 cláusulas referentes ao monitoramento de mamíferos, praias, impactos de plataformas, embarcações sobre avifauna na Bacia de Santos, e desenvolvimento de projeto para controle de poluição.

A nova plataforma irá adicionar 600 mil bpd de capacidade de produção, possui estrutura com a capacidade de armazenar 1,6 milhão de barris por dia, contendo uma profundidade de 2.200 metros. No Campo de Búzios também entraram em funcionamento as plataformas FPSOs P-75 e P-76.

A atividade da quinta plataforma FPSO P-68 foi adiada para apenas 2019. Caso a Petrobras consiga cumprir sua programação, entrarão no total seis plataformas em operação. A princípio, o desenvolvimento da plataforma renderá lucro para o País, agora, cabe ao governo agregar o capital a setores que possuem importância para a população como educação, saúde, economia, entre outros.

Mantenha-se informado sobre o mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore você também. Acesse o site da Panorama Offshore ou o Facebook.  Lembre-se: seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br   www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *