MME cogita lançar derivativos de CBios

De acordo com Pietro Mendes, diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia (MME), um possível lançamento de derivativos de Créditos de Descarbonização (CBios) no mercado pode ocorrer ainda neste semestre.

O comunicado foi feito em um evento virtual de abertura da safra de cana, açúcar e etanol, realizado na última quinta-feira (11), pela consultoria Datagro. Segundo o executivo, a medida possibilitaria o lançamento de CBios não-associados às negociações físicas e daria mais previsibilidade de preços aos papéis.

Vale lembrar que cada CBio equivale a 1 tonelada de carbono que deixa de ser emitida, a partir da substituição de combustíveis fósseis por renováveis. Além do benefício ambiental, os produtores de biocombustíveis também seriam contemplados, uma vez que seria possível financiar uma safra, enquanto que para os distribuidores, a medida facilitaria o travamento de preços a serem negociados.

Contudo, é importante ressaltar que as discussões ainda estão sendo realizadas pelo governo e demais entidades envolvidas, apesar do anúncio.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta