No total, Petrobras terá que devolver 200 áreas à ANP

Como já havia sido dito anteriormente, a Petrobras terá que devolver cerca de 100 áreas terrestres sendo eles terrestres e em água rasas. Porém, José Fernandes Freitas, coordenador de Áreas Terrestres da ANP, informou que será o dobro, totalizando 200 regiões. A previsão é que este projeto de devolução esteja concluído até o ano de 2019.

Entre as 200 áreas que serão devolvidas estão os campos do Projeto Topázio, correspondendo a 100 regiões terrestres, e o Projeto Ártico, no qual equivale aos campos em águas rasas. Ambas pertencem a locais do Nordeste brasileiro, região que contém cerca de 75% dos campos de petróleo.

O entreguismo da Petrobras diante dos blocos exploratórios de petróleo está sendo constante, possibilitando que empresas estrangeiras cada vez mais adquirirem o patrimônio nacional. Quer mais notícias sobre a área de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore? Acesse o portal da Panorama Offshore e lembre-se: seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br   www.facebook.com/panoramaoffshore.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

7 comentários em “No total, Petrobras terá que devolver 200 áreas à ANP

Deixe uma resposta