Novos projetos energéticos entre Rússia e Venezuela

Durante Fórum Econômico internacional de São Petersburgo, segunda maior cidade da Rússia, os embaixadores da Federação Russa e da Venezuela discutiram sobre futuros projetos de cooperação e novas perspectivas no setor de energia entre os países.

A Venezuela se mostrou bastante interessada em realizar projetos com o país russo. Contudo, o embaixador venezuelano, Carlos Faria, disse que planos bilaterais com a Rússia devem ser integrados, mas não isolados.

Não é a primeira vez que o país localizado no norte da Eurásia tenta acordo no setor de energias e petróleo, conforme a Panorama Offshore já havia divulgado. Em janeiro, o vice-ministro da Economia da Rússia, Aleksei Gruzdev, anunciou que o país tem pretensões de fortalecer relações com Cuba para aumentar fornecimento de petróleo e produtos petrolíferos aos cubanos.

Em dezembro de 2016, o presidente russo entrou em acordo com o Irã para a coordenação das ações nos mercados globais de petróleo e gás. Além disso, apesar de não participar do cartel da Opep, a Rússia tem investido esforços para ajudar na redução de produção do petróleo proposto pelos membros da Opep.

Quer mais detalhes sobre o mundo offshore? Continue interagindo com o Panorama. A ferramenta ideal para os que precisam e buscam informações e notícias de qualidade sobre o mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br. www.facebook.com/panoramaoffshore.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta