O impacto das inovações tecnológicas no setor offshore

Conforme a exploração de petróleo foi crescendo e se solidificou, o setor offshore passou a receber a atenção de muitos investidores. Ao mesmo tempo, pode-se perceber o avanço da tecnologia no setor e a forma com que isso trouxe impacto na sua evolução. Diversas inovações nas plataformas, equipamentos de perfuração, mecanismos de extração e robôs foram surgindo e contribuindo progressivamente para o crescimento do espaço petrolífero.

Hoje é possível utilizar os famosos drones, por exemplo, que auxiliam chegando em locais de difícil acesso, coletam informações com altíssima qualidade e identificam problemas de forma mais fácil. Os próprios campos de petróleo também se tornaram digitais, com sistemas de informações complexos, conectando componentes, incluindo instalações offshore, bancos de dados, sistemas de controle e redes de gerenciamento, que otimizam a produção.

Assim como é o caso dos cabos submarinos, que se tornaram ópticos, e permitem o transporte de todo tipo de informação digital — telefone, internet e demais dados. Hoje em dia, com o aumento das inovações, a transmissão de sinais que antes era medido em minutos, caiu para milissegundos. O maior cabo óptico submarino do mundo é o SEA-ME-WE 3: ele tem 38 mil Km e interliga 32 países do Sudeste Asiático, do Oriente Médio e da Europa.

Sem dúvida, as inovações no setor tem alavancado o crescimento, produtividade e ampliação do mercado, o que vem aumentando inclusive a geração de empregos. Além disso, o uso dessas tecnologias no trabalho acabam exigindo que os profissionais se atualizem, o que amplia o conhecimento profissional e tecnológico desses trabalhadores.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta