Os impactos da pandemia no mundo petrolífero

Os efeitos da pandemia vêm sendo sentidos por diversos setores e o petrolífero não ficou fora disso. Boa parte do futuro do petróleo praticamente foi entregue nas mãos da pandemia, visto que no decorrer de 2020, por conta das restrições de circulação e menos tráfego aéreo houve redução de consumo de diesel e gasolina. Se configurando dessa forma um ambiente com grande acesso de oferta e escassez de demanda.

Não dispor a atenção necessária que a crise merece pode significar uma perda de competitividade futura. Nos Estados Unidos, os contratos de petróleo chegaram a ser negociados por valores negativos devido a baixa demanda – é como se fosse uma espécie de estratégia onde a empresa paga o comprador para ele obter o seu produto. Ainda sem maiores soluções, a esperança é de que a próxima reunião da OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) possa mudar o cenário de produção e preço do petróleo.

Continue mantendo-se informado sobre tudo o que acontece no mercado de petróleo, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore, acompanhando a Panorama Offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br   /   ww.facebook.com/panoramaoffshore   /  @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta