Petrobras investe milhões de dólares nos centros de pesquisas nas áreas do pré-sal

Parceria feita pelo Centro de Pesquisas da Petrobras Leopoldo Américo Miguez de Mello, Cenpes, em conjunto com alunos de pós-graduação em engenharia da UFRJ, responsáveis pelo Coppe – Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia, no campus do Fundão, realiza pesquisas tecnológicas referentes ao pré-sal e a Petrobras já investiu cerca de U$ 572 milhões.

Os centros são responsáveis pelos inúmeros avanços de exploração do petróleo em águas profundas como duto-sanduíche; sistema de âncoras que substitui aço por poliéster; robôs com sistemas de inteligência artificial e computação quântica. Uma das tecnologias que vem ganhando destaque é na área robótica, que tem um sistema capaz de trocar a quantidade de funcionários embarcados que desempenham funções simples e complexas, como por exemplo a manutenção da pintura do casco da plataforma, substituição de mergulhadores no reparo de dutos em profundidades.

Além disso, as pesquisas contribuem com a aceleração de aprendizagem da estatal sobre as regiões do pré-sal e maior velocidade em seu reconhecimento para que, haja mais rapidez na perfuração e mais produtividade nos campos. Acompanhe o portal da Panorama Offshore e fique por dentro de notícias sobre o mercado de petróleo, gás, energia, biocombustíveis, onshore e offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui. Acesse: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta