Petrobras põe novamente a Liquigás à venda

A Petrobras contratou, mais uma vez, um banco para tentar vender a Liquigás Distribuidora S.A. Segundo fontes, o espanhol Santander assumiu a tarefa, e a expectativa é de que os investidores comecem a receber os materiais de campanha à venda. A oferta da distribuidora de gás ao mercado faz parte do plano de desinvestimento da petroleira.

Desde 2016 a Petrobras vem na tentativa de desestatizar a subsidiária. De lá para cá, apareceram alguns interessados, como o Grupo Ultra, Supergasbras e a Copagaz. O Grupo Ultra levou a Liquigás por R$ 2,8 bilhões em novembro do mesmo ano. No entanto, no início de 2018, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) vetou a compra.

A nova estratégia de venda adotada pela Petrobras estaria focada em compradores estrangeiros, a fim de evitar impedimentos semelhantes no processo de desestatização. Agora, ofertada novamente ao mercado, grupos da Turquia, China e França estariam interessados na distribuidora, além de grandes fundos de investimento. Desta vez, a estimativa é de que os valores pela aquisição da subsidiária ultrapassem os R$ 2,8 bilhões que o Grupo Ultra pagaria ou há três anos.

Seja comprador nacional ou estrangeiro, é notório que o plano de desinvestimento da Petrobras segue em ritmo acelerado e que, mediante as políticas adotadas pela estatal, a empresa perca seu monopólio na economia brasileira.

Fique por dentro das principais notícias que envolvem o mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore, no portal da Panorama Offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui! Confira em: www.panoramaoffshore.com.brwww.facebook.com/panoramaoffshore e Instagram @panoramaoffshore



Deixe uma resposta