Petrobras: Produção da plataforma P-68 só no ano que vem

A produção da plataforma P-68, que está sendo construída num estaleiro no Espírito Santo com previsão para começar a operar ainda neste ano, passou para o ano que vem, disse o diretor de Desenvolvimento da Produção e Tecnologia da Petrobras, Hugo Repsold, na divulgação do balanço da companhia no primeiro trimestre de 2018. Esta unidade será instalada no bloco de Berbigão, no pré-sal da bacia de Santos.

Repsold acrescentou durante a apresentação do balanço do trimestre que a empresa vem acompanhando de perto a construção da P-68 e percebeu que não será possível começar a operar ainda este ao. “A gente tem acompanhado com bastante cuidado a P-68 e a gente tem percebido que há possibilidade de escorrer a produção para o início de 2019”, explicou o diretor de Desenvolvimento da Produção e Tecnologia da Petrobras.

Até o final de maio deste ano, a Petrobras deve receber US$ 3 bilhões com a venda de ativos e formação de parcerias, concluindo seis negociações – campo de Azulão, Petroquímica Suape e Citepe, usina de álcool São Martinho, multa da Liquigás, segunda parcela do campo de Carcará e áreas de Lapa e Iara.

Durante a coletiva de imprensa para destacou o 12º fluxo de caixa livre positivo consecutivo registrado em um trimestre, que ficou em R$ 13 bilhões no período. Poderia ser maior não fossem os R$ 3 bilhões pagos a acionistas dos EUA, acordo para encerrar ação na Justiça. Monteiro apontou no resultado, a redução da margem do refino, por causa do desaquecimento da demanda e das vendas, a competitividade, principalmente com produtores de etanol.

A Panorama Offshore volta a destacar o empreendimento feito no Brasil, Espírito Santo, gerando empregos. Voltando a lembrar que, segundo informações de um diretor da ANP, cada plataforma em funcionamento gera em torno de mil empregos diretos. Não deixe de acompanhar tudo o que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *