Petrobras reduzirá compras de gás de PetroRio e Enauta

A Petrobras quer reduzir o volume de gás natural no campo de Manati, localizado na Bahia. A estatal notificou suas sócias, PetroRio e Enauta, sobre a intenção de corte no contrato.

De acordo com informações, a Enauta confirmou que a Petrobras alega força maior, visto a queda na demanda por gás, energia e combustíveis no mercado brasileiro em meio à crise de coronavírus. “A Enauta não concorda com os argumentos apresentados na notificação e analisa as alternativas que dispõe para evitar e/ou mitigar os riscos que tal medida por parte da Petrobras pode acarretar nos seus negócios”, declarou a companhia através de nota.

Por sua vez, a PetroRio ainda não se manifestou. Contudo, de acordo com o balanço operacional da empresa, o campo de Manati teve a sua produção praticamente suspensa em março, com 30 barris de óleo equivalentes (boe) produzidos por dia. Vale lembrar que a companhia tem apenas 10% do ativo.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta