Petrobras tem liberação para iniciar operação na P-66

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) autorizou a Petrobras a iniciar suas operações na plataforma P-66, no campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Santos. O navio-plataforma deixou estaleiro Brasfels, em Angra dos Reis, no dia 4 de fevereiro, rumo à locação no módulo de Lula Sul.

A P-66, que tem capacidade para processar 150 mil barris diários de petróleo e 6 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, é o primeiro FPSO (unidade replicante) próprio do Consórcio de Lula a ser instalado no polo Pré-Sal da Bacia de Santos. O navio-plataforma terá a função de separar o óleo do gás e da água durante o processo de produção, além de armazená-lo no tanque e transferi-lo para petroleiros.

O campo de Lula está localizado na concessão BMS-11, operada pela Petrobras que é majoritária com 65%, em parceria com a Shell que detém 25% e Petrogal Brasil que tem a parcela de 10%.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

5 comentários em “Petrobras tem liberação para iniciar operação na P-66

Deixe uma resposta