Petroleiras chinesas miram em Exxon no Iraque

Fontes informaram à Reuters que grandes empresas chinesas, como a China National Petroleum e CNOOC, estão estudando a compra da participação restante da Exxon Mobil em um campo de petróleo no Iraque. A transição poderia valer pelo menos US$ 500 milhões. 

De acordo com as pessoas que não quiseram ser identificadas, as estatais avaliam um possível acordo para comprar a participação de 32,7% da Exxon no campo Qurna Oeste 1 do Iraque. 

“O Iraque não se mostrou tão atraente quanto se esperava há uma década”, disse Richard Bronze, cofundador da consultoria Energy Aspects. “Empresas americanas e europeias não estão buscando essas grandes oportunidades de exploração, o que é má notícia para os planos de expansão do Iraque. Em contraste, empresas chinesas ainda estão interessadas.”

Por enquanto, nenhuma decisão final foi tomada e não há garantia de que as deliberações levem a um acordo. Os riscos geopolíticos no Iraque podem trazer incertezas para qualquer possível negócio, acrescentaram as fontes. Representantes da CNOOC, Exxon e CNPC não quiseram comentar.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta