Petroleiros aumentam exportações da Venezuela

Ao que tudo indica, diversos navios petroleiros estariam desativando suas localizações em alto mar. Apesar da prática de esconder transportadores de petróleo não ser recente e ser feita para fins competitivos – o Irã, por exemplo, alvo de sanções pelo governo dos EUA, adota a técnica para exportar petróleo -, tem sido registrado um forte aumento no último mês. Isso porque, segundo os EUA, o próprio país colocou uma companhia chinesa de navegação na mira que estaria levando petróleo bruto para o Irã, atualmente sob sanções.

De acordo com informações, os EUA estariam tentando deixar a Venezuela sem acesso à receita de petróleo. Contudo, cada vez mais petroleiros parecem estar se camuflando para evitar as sanções, o que ajuda a impulsionar a produção de petróleo venezuelana que estaria em queda desde que os EUA impuseram as restrições.

Somente no início do mês de novembro, a Venezuela carregou 10,86 milhões de barris de petróleo, quantidade maior que o dobro do volume no mesmo período do mês passado. De acordo com a Bloomberg, cerca de metade desses barris foram carregados em navios que desligaram seus transponders após realizar entregas à China e à Índia.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta