Petroleiros protestam contra venda da Landulpho Alves

Petroleiros estão se manifestando contra a venda da refinaria Landulpho Alves (Rlam), localizada em São Francisco do Conde, região metropolitana de Salvador, na Bahia. Os protestos começaram na manhã desta quarta-feira (10), quando o grupo de trabalhadores se reuniu no acesso ao local.

O processo de venda foi concluído na última segunda-feira (8), no valor de US$ 1,65 bilhão para a empresa de investimentos Mubadala Capital. Insatisfeitos, os petroleiros votaram pela greve, que deve começar na próxima semana. Vale ressaltar que a Landulpho Alves foi a primeira refinaria do país, criada em setembro de 1950, quando o petróleo foi descoberto na Bahia.

Atualmente, a Rlam tem 26 unidades de processamento e 201 tanques de armazenamento. Ela refina mais de 30 tipos de produtos, como gasolina, diesel, lubrificantes, querosene de aviação e outros.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta