PF apreende R$4 milhões em operação da Petrobras

Na última quarta-feira (7), a Polícia Federal (PF) apreendeu quase R$ 4 milhões, em espécie, em operação da 76ª fase da Lava Jato, ou Operação Sem Limites III, que investiga crimes de corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro na área comercial da Petrobras. O montante, correspondente a pouco mais de R$ 1,6 milhão, US$ 414, 3 mil (cerca de R$ 2,33 milhões) e 1.990 euros (cerca de R$ 13.163), foi apreendido em dois locais pertencentes a um dos alvos da operação, e os quatro mandados foram cumpridos no Rio de Janeiro. Foram também apreendidos computadores, tablets e telefones celulares.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), existem provas de que os investigados, ex-funcionários da estatal, promoviam rodízio no fechamento de operações com as empresas do setor e que estas também pagavam vantagens indevidas.

Em nota, a Petrobras afirmou que “colabora com as investigações desde 2014, e atua como coautora do Ministério Público Federal e da União em 21 ações de improbidade administrativa em andamento, além de ser assistente de acusação em 71 ações penais relacionadas a atos ilícitos investigados pela Operação Lava Jato”.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta