P&G: Demanda chinesa está quase nos níveis pré-crise

Nesta segunda-feira (18), fontes informaram à Bloomberg, que a demanda chinesa por petróleo está quase nos níveis vistos pela última vez antes do isolamento nacional para combater o coronavírus. 

A rápida recuperação do país ajudou a reduzir a oferta no mercado de petróleo mais cedo do que o esperado. O petróleo WTI, que há um mês era negociado em território negativo, disparou e chegou a ser negociado acima de US$ 30 o barril. Além disso, com a reabertura de fábricas e passageiros que preferem usar o carro em vez do transporte público, o consumo de gasolina e diesel já se recuperou. 

Segundo um executivo de uma grande trading, “os chineses estão comprando tudo o que veem pela frente”. Além disso, refinarias de petróleo iniciaram uma onda de compras de barris no mercado físico, o que também ajudou a recuperação dos preços. Liu Yuntao, analista da consultoria londrina Energy Aspects, também informou: “A demanda por petróleo na China começa a mostrar sinais otimistas de recuperação total, liderada pelo diesel”.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

8 comentários em “P&G: Demanda chinesa está quase nos níveis pré-crise

Deixe uma resposta