Pré-sal deve render cerca de R$ 50 bi ao Rio de Janeiro

As seis áreas arrematadas nos dois leilões do pré-sal, realizados no dia 27 de outubro, devem gerar ao Rio de Janeiro cerca de R$ 50 bilhões em royalties de produção, segundo estimativa da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). Para a Agência Nacional do Petróleo, Biocombustíveis e Gás Natural (ANP) essa arrecadação pode ser mais ampla, podendo gerar R$ 65 bilhões com as áreas já contratadas e com as que serão leiloadas até 2019, o que pode alavancar a economia do estado fluminense nos próximos anos.

Os contratos de exploração do pré-sal são de 35 anos e ao iniciar a produção, as empresas já começam a pagar os royalties e quanto maior estiver o preço do petróleo, mais alto será o valor recebido pelo Estado. Sem dúvida, essa poderá ser uma nova fase para o Rio de Janeiro., com geração de novos investimentos e boas oportunidades de emprego.

Mantenha-se informado sobre tudo o que acontece no mercado de petróleo, gás, energias, pré-sal, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Acompanhe a Panorama Offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br e  www.facebook.com/panoramaoffshore



Um comentário em “Pré-sal deve render cerca de R$ 50 bi ao Rio de Janeiro

  • 6 de novembro de 2017 em 17:46
    Permalink

    Essa pode ser um novo gás para recuperar o RJ da atual situação que se encontra com geração de novos investimentos e boas oportunidades de emprego…

Deixe uma resposta