Preço do gás deve sofrer novo reajuste

Segundo a Abragas (Associação Brasileira de Entidades de Classe das Revendas de Gás LP), o preço do gás sofrerá um novo reajuste de cerca de 7%, justificado pelos reajustes salariais e reposição de perda nos setores de distribuição e revenda. Segundo a entidade, essa alteração faz parte dos aumentos que já ocorrem todo mês de setembro e deve entrar em vigor até o próximo dia 10.

Esse acréscimo no produto preocupa os consumidores, que já reclamam do atual valor do gás. Segundo a ANP (Agência Natural do Petróleo, Gás Natural, e Biocombustíveis) no município do Rio de Janeiro, o botijão de 13 kg está sendo vendido a R$ 87, mas consumidores relatam que o preço que pagam pelo produto chega a ser maior, custando quase R$ 98. Em contrapartida ao anúncio do reajuste, o Sindagas (Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo), informou que desconhece essa informação.

Fique por dentro do que acontece nas áreas de petróleo, gás e energia através da Panorama Offshore. Aqui você confere informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, tecnologias, Petrobras e offshore e onshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta