Preço do petróleo cai após reunião da Opep+ ser adiada

Nesta segunda-feira (6), os preços do petróleo sofreram uma queda por conta do adiamento da reunião entre a Arábia Saudita e a Rússia. O encontro iria abordar os cortes na produção de petróleo que ajudariam a reduzir o excesso de oferta global e equilibrar a demanda, derrubada pela pandemia de coronavírus. Vale lembrar que o adiamento ocorreu em meio à pressão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

O petróleo Brent recuava US$ 1,14, ou 3,34%, a US$ 32,97 por barril, às 8h06 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía US$ 1, ou 3,53%, a US$ 27,34 por barril.

O novo encontro deve acontecer na próxima quinta-feira (9), reunindo a OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) e seus aliados, um grupo conhecido como Opep+. Lá, serão discutidas medidas para reduzir a produção.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta