Prefeitura do Rio usará fontes renováveis de energia

Medindo esforços para contribuir com a contenção da crise hídrica, a cidade do Rio de Janeiro vai adotar a implementação de fontes de energia renovável para o abastecimento da sede da Prefeitura. A iniciativa coordenada pela Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento, prevê que com o uso da energia solar e eólica que devem ser compradas diretamente com as geradoras, cerca de R$ 4 milhões podem ser economizados dos cofres públicos anualmente.

A escolha, além de ter benefícios econômicos, é de grande importância no atual momento de crise energética. Especialistas esperam que transições energéticas como essa sejam cada vez maiores. Cada atitude que reduza o consumo por hidrelétricas é necessária, principalmente em meio à crise que vai se agravando e não tem “estimava de fim”.

Fique por dentro do que acontece nas áreas de petróleo, gás e energia através da Panorama Offshore. Aqui você confere informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, tecnologias, Petrobras e offshore e onshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta