Privatização da Eletrobras deixa conta de luz mais cara

Uma nota técnica da Associação dos Engenheiros e Técnicos do Sistema Eletrobras (Aesel) mostrou os efeitos da privatização da Eletrobras para a população. Dentre eles, está o aumento de cerca de 14% na conta de energia elétrica.

Ainda segundo o documento, isso acontecerá porque a Eletrobras, que hoje pratica os menores preços do mercado de geração de energia, sofreria com a descotização de usinas. Hoje, o valor da energia entregue pelas usinas cotizadas é de cerca de R$ 61/MWh atualmente. Logo, a privatização da empresa iniciaria um processo de descotização, o que aumentaria os preços pelos próximos trinta anos de concessão.

Vale ressaltar que a Eletrobras, atualmente, detém 30% da geração, 45% da transmissão e mais de 52% das reservas hidrológicas de energia elétrica no Brasil.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta