Procon-RJ instaura ato sancionatório contra Enel

Após fiscalizar e apurar denúncias de consumidores de Maricá, o Procon Estadual do Rio de Janeiro instaurou um ato sancionatório contra a Ampla Energia e Serviços S.A, empresa do setor de energia elétrica que pertence à Enel. O ato foi instaurado na última sexta-feira (8).

As denúncias dos moradores foram consideradas violação dos direitos do consumidor, uma vez que os mesmos sofreram casos de interrupção do fornecimento de energia, intermitência na prestação do serviço, oscilação na rede, dificuldade e demora no atendimento das solicitações de restabelecimento, além de transtornos materiais. A empresa fornecedora dos serviços poderá ser multada em até R$ 10 milhões.

O presidente do Procon-RJ, Cássio Coelho, defendeu que a empresa deve adotar melhorias técnicas necessárias para disponibilizar um serviço regular e de qualidade para seus consumidores.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta