Produção americana faz preço do petróleo ter queda

Mais uma vez a produção de petróleo americana golpeou as investidas de valorização da commodity e fez o preço do barril despencar este início da semana. A cotação dos contratos futuros do petróleo WTI recuaram US$ 0,60, o barril, passando a US$ 64,68, enquanto o Brent teve queda de US$ 0,64, indo a US$ 67,70, menor nível em torno de um mês.

Dados da Baker Hughes da General Electric mostraram que o número de sondas americanas de exploração de petróleo em atividade subiu pela segunda semana seguida. Como aumento de seis sondas, foram totalizadas 765 na semana passada, o que indica aumento na produção americana.

De acordo com dados do governo dos EUA, a produção de petróleo no país subiu para 9,91 milhões de barris por dia na semana passada, o maior nível desde o início da década de 1970. No fim de 2016 os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e países parceiros como a Rússia, concordaram em para cortar a produção de petróleo em 1,8 milhão de barris tendo prazo para acabar no fim de 2018.

Continue acompanhando a Panorama Offshore e mantenha-se informado sobre tudo que acontece no mercado de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore e offshore. Lembre-se: seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br. www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *