Refinaria vende combustível naval menos poluente

A refinaria da Petrobras, Abreu e Lima (RNEST), iniciou a comercialização do Bunker 2020, óleo combustível utilizado em motores de navios, com baixo teor de enxofre, reduzindo, assim, os impactos negativos agressores ao meio ambiente. A primeira venda foi realizada na última semana, com cerca de 16 mil m³ do produto, destinados à exportação.

“O Bunker 2020” recebe esse nome devido à mudança no limite máximo para o teor de enxofre, que passará a valer no mercado global de refino e combustíveis a partir de 2020. O transporte marítimo é o que possui as maiores taxas de emissão de enxofre.

No período de abril a junho de 2019, a Petrobras ultrapassou a marca de 190 mil m³ de Bunker 2020 produzidos, somados os volumes de mais cinco subsidiárias de refino: Refinaria Isaac Sabbá (Reman), Refinaria Landulpho Alves (RLAM), Refinaria de Paulinia (Replan), Refinaria Henrique Lage (Revap) e Refinaria Duque de Caxias (Reduc).

Informe-se sobre os principais assuntos que envolvem os setores de petróleo, gás, energias, gasolina, combustíveis, Petrobras, onshore, offshore e tecnologias, através do portal da Panorama Offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Acesse: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

6 comentários em “Refinaria vende combustível naval menos poluente

Deixe uma resposta