Rodada do pré-sal de 2018 pode arrecadar R$ 3 bi

O governo brasileiro pode arrecadar cerca de R$ 3 bilhões de reais com a 4ª rodada de licitação de áreas exploratórias de petróleo e gás do pré-sal, agendada para acontecer em 2018. De acordo com fontes da União, a estimativa é de que a arrecadação atinja os mesmos patamares das registradas na 2ª e 3ª rodadas, realizadas no final de outubro deste ano.

A Panorama Offshore informou na última semana que o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) definiu que a quarta rodada do pré-sal acontecerá em 7 de junho de 2018 e ofertará os blocos de Três Marias, Dois Irmãos, Uirapuru, Saturno e Itaimbezinho, localizados nas bacias de Campos e Santos, seguindo o modelo de partilha de produção.

Nas rodadas do pré-sal, que seguem o regime de partilha de produção, o governo arrecada dinheiro com um pagamento quase que imediato do bônus de assinatura do leilão e também com o óleo lucro, pago quando as áreas começam a produzir. O bônus de assinatura das áreas da 4ª rodada poderão ser divulgados na próxima semana.

A questão já foi encaminhada para o Ministério da Casa Civil, que deve publicar os detalhes nos próximos dias. Este ano de 2017, União conseguiu 6,15 bilhões de reais com os dois leilões do pré-sal. Continue acompanhando a Panorama Offshore e saiba tudo sobre o mundo do petróleo, gás, energias, pré-sal, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui! Confira: www.panoramaoffshore.com.br e  www.facebook.com/panoramaoffshore



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *