Sauditas estudam desviar rotas de cargas de petróleo

Fontes comerciais e do setor marítimo informaram à Reuters que caso o presidente Donald Trump bloqueie as importações de petróleo do país, a Arábia Saudita pode alterar as rotas de navios-tanques que carregam cerca de 40 milhões de barris de petróleo saudita em direção aos EUA. 

De acordo com as fontes, o reino tentou buscar opções de armazenamento com os proprietários dos navios no mês passado, quando as embarcações foram afretadas, mas recuou devido às altas taxas, com muitos proprietários tentando evitar que os navios ficassem “amarrados”.

Operadores dos mercados de petróleo na Europa e na Ásia afirmaram que há expectativas de que os sauditas desviem as cargas para outros mercados. “A Europa parece cheia, mas certamente compradores aceitariam se os sauditas oferecessem (o petróleo) a níveis muito baixos… Alguns ainda têm espaços ou podem chegar a acordos para estocá-los em navios por algum tempo”, disse uma fonte. A Saudi Aramco recusou-se a comentar.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta