Sensor de chamas previne de explosões

Acidentes que envolvem explosões na indústria são mais comuns do que se imagina, mas o assunto é pouco discutido no Brasil. Casos como esses têm graves consequências como a perda de vidas humanas, prejuízos materiais e ao meio ambiente. A falta de proteção e negligência de gestores, podem ser apontadas como as principais causas das tragédias que envolvem explosões e incêndios industriais. Um item que é imprescindível no controle desses eventos é o sensor de presença de chama , utilizado em diversos tipos de queimadores, este equipamento pode salvar vidas.

O sensor de presença de chama faz parte do circuito de segurança de fornalhas e caldeiras industriais, sua principal função é indicar a presença de chamas no equipamento, caso as mesmas se apaguem, o sensor envia um sinal elétrico ao controlador central que opera as válvulas de combustível e esse é cortado imediatamente. Essa ação é fundamental para evitar acidentes, visto que após a extinção de chama, o acúmulo de combustível pode gerar uma explosão.

Para queimadores de grande porte, geralmente encontrados na indústria, os sensores de chama possuem leitores óticos que permitem que o aparelho possa realmente “ver” a chama para ter o controle sobre ela. Esses leitores possuem uma célula fotoelétrica que ao ser exposta a luz ultravioleta/infravermelho gera voltagem a partir dela, quanto mais intensa a luz da chama, maior a voltagem gerada. Para evitar qualquer tipo de problema, a janela do sensor deve estar totalmente exposta as chamas, qualquer acúmulo de poeira ou de outros materiais pode incapacitar o equipamento gerando falhas no processo.

Os sensores de chama com leitores óticos podem ser utilizados em queimadores a gás, óleos leves ou pesados, carvão, ou qualquer outro combustível com chamas que emitam radiação ultravioleta estável. A XS Gás oferece as indústrias uma linha completa de sensores assegurando qualidade e segurança para os seus clientes.

Paloma Rocha Barra
Go Biz
Telefone:(011) 4412-9244

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *