Vendas de combustíveis da Shell podem ter uma queda

Em atualização sobre suas operações de comercialização na última quarta-feira (7), a petrolífera anglo-holandesa Shell disse que espera que suas vendas de combustíveis caiam ou, pelo menos, se mantenham estáveis no primeiro trimestre deste ano.

Inicialmente, a Shell projetava suas vendas atingiriam 4,5 milhões de bpd no trimestre. Contudo, as vendas ficaram entre 3,7 milhões e 4,7 milhões de barris por dia (bpd), se comparadas aos 4,8 milhões de bpd no último trimestre de 2020. O comunicado foi um indicando de que a recuperação da demanda segue a passos lentos.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta