Arábia Saudita e Rússia pensam em elevar produção de petróleo após críticas de Trump

A Arábia Saudita e a Rússia discutem aumentar a produção de petróleo da Opep –  Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados, em cerca de um milhão de barris por dia. Essa iniciativa acontece depois de as críticas feitas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, via Twitter, no mês passado, onde escreveu que a Opep havia artificialmente impulsionado os preços do petróleo.

O aumento do rendimento seria após 17 meses de cortes rigorosos na oferta, devido a preocupação de que um rali de preços teria sido prolongado, com o petróleo atingindo seu maior nível desde o final de 2014 no valor de US$ 80,50 por barril neste mês.

A Opep iniciou uma discussão sobre a redução dos cortes na produção mediante as críticas feitas por Trump, no qual resultou na diminuição da produção cerca de 1,8 milhão de barris por dia até 2018, para baixar os estoques mundiais.

Continue acompanhando tudo o que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br e www.facebook.com/panoramaoffshore.



Deixe uma resposta